• Sindicato dos Produtores Rurais de Montes Claros

Campanha contra febre aftosa é prorrogada


O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) autorizou a prorrogação da vacinação contra a febre aftosa em Minas Gerais para até 20 de dezembro. A declaração pode ser feita até o dia 30 de dezembro. Nesta etapa, é obrigatória a imunização de bovinos e bubalinos de zero a 24 meses.


A prorrogação da campanha foi determinada após reclamações dos criadores quanto à disponibilidade de vacinas, e foi autorizada após pedido do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) e do Sistema FAEMG/SENAR/INAES e Sindicatos. A expectativa é que sejam vacinados cerca de 10 milhões de animais.


O produtor comprova a vacinação dos bovinos e bubalinos usando o formato eletrônico de declaração que está disponível em ima.mg.gov.br ou, caso tenha cadastro, acessando o Portal de Serviços do Produtor. Também é possível enviar a declaração para o e-mail da unidade do IMA responsável pela jurisdição do município, ou presencialmente em uma das unidades.


Além disso, o pecuarista pode procurar o Sindicato Rural para realizar a declaração de vacinação. "É importante realizar a declaração dentro do prazo para evitar multas", alerta o presidente da entidade, José Avelino Pereira Neto.