Presidente do Sindicato Rural de Montes Claros se reúne com Ministro Ricardo Salles

O Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, esteve em Montes Claros na manhã desta quinta-feira, 10 de dezembro. Salles veio ao Norte de Minas para realizar o encerramento de 15 lixões que fazem parte do programa Lixão Zero, e o início do monitoramento de áreas contaminadas e combate à desertificação, para o qual anunciou uma verba de R$1,5 milhões.


Uma das demandas apresentadas ao Ministro durante a visita, foi o Decreto Federal Nº 6660/2008, que regulamentou a Lei 11.428/2006 e enquadrou a Mata Seca do Norte de Minas como integrante do Bioma Mata Atlântica. "Esse Decreto paralisou a nossa região. Estamos há mais de uma década tentando reverter a situação, que causa mais prejuízos sócio-econômicos a cada dia. Temos o apoio da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, a CNA, nessa causa, e viemos reforçar com o Ministro a necessidade de resolver este sério problema", afirma José Avelino Pereira Neto, presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Montes Claros.


O Ministro Ricardo Salles orientou que a classe inicie um movimento para gerar apoio à causa. "Fizemos nossa parte, no Ministério do Meio Ambiente, para chamar a atenção da necessidade de aplicação do Código Florestal na Mata Atlântica, e o segundo passo é a delimitação desse mapa, do IBGE, na região, que é o que precisa ser reexaminado", disse.


De acordo com ele, a causa tem o respaldo do Ministério do Meio Ambiente, mas precisa passar também pelo Ministério da Economia, que é responsável pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Além disso, colocou-se a disposição para facilitar o diálogo em Brasília.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
Procurar por tags